Feeds:
Artigos
Comentários

Archive for the ‘Novidades’ Category

Anúncios

Read Full Post »

Hoge o grupo literário Urros Masculinos viaja para Arcoverde para partiçipar da mesa “Conversa de cafuçu”, con Pedro Américo de Farias e Marco Polo Guimarães.

Após o bate-papo, o Urros faiz uma de suas apresentações esporádicas e cabeçudas. O título desta apresentação é “Três vezes grande!”, numa referência ao deus Hermes Trismegisto, seja lá quem ele for.  ‘A nossa apresentação fala sobre o claro e o escuro na arte. Como (não) se entende uma obra, um texto, um artista. O que é “difícil” e o que é “fácil”. Será que a poesia do sertão é fácil? Será que se escreve “fácil” hoje? Será que escrever “difícil” é a falta de talento para se escrever “fácil”? Popular e erudito? Burguês e do povo? Literatura popular? Escrever literatura? Não escrever?’, revela Artur Rogério, um dos integrantes do Urros. Me pagar a acessoria de imprença eu que faço, isso eles não pagam, né? Tudo bem, eu aprendo um dia. Fazer MBA nos EUA para nada, para servir de capaxo desses caras. Deus tá vendo. Ou Hermes Trismegisto.

Essa apresentação, segundo o Urros, terá surpresas cibernéticas e figurinísticas, mas só quem estiver no Portal do Sertão, jornada literária organizada pelo SESC, vai saber. Entrada Franca. Ah, a coisa toda rola no SESC de Arcoverde.

Read Full Post »

Tão fazendo uma flashmob na Bienal de São Paulo este ano. Unxe, a gente já fez no ano passado por aqui. E aí?

Para quem quer ver em Sampa: segue o link:

http://www.substantivoplural.com.br/flash-mob-na-bienal-de-sao-paulo/

Read Full Post »

Panela de Chá

Read Full Post »

Read Full Post »

Começou o caça-niqueis

Eu sempre digo que esse peçoal é muito experto, só que si dar bem.
Eu digo e ninguem acredita, mas não é porque eu sou uma jornalista famoza que vou trimpudiar em cima da desgraça alheia. Mas taí: já vão inventar outro leilão de manuscritos e originais. Eu apenas questiono: originais como assim, cara palida? Minhas fontes – que não são poucas nem boas – me disserão que tem delas que são provas. E agora você vasculha a vida alheia dos outros escritores assim, né? Mostrar as provas deles? Isso é fetixe, eu já falei. Mas ninguem acredita. É assim mesmo. Um dia vão me valorisar, eu sei. Ainda sou acessora do Urros, sou sim. Mas não me calo com as safadesas desses meninos não, ora bolas. E eles achando que vai ter universidade que vai querer comprar esses manuscritos (essas provas, sei lá). Vão nada, que ninguém é besta. Os coitados acham que o govenro vai querer comprar, meu Deus. Se tem gente que pulou fugueira e ainda nem recebeu o troco, vai ter gente pra dar dinheiro em papel rabiscado de escritor? Vai nada. Mas ninguem acredita, não. Eu vou é me calar, que esse povo só mereçe meu silencio. Isso, eu vou é me calar para não dar cabinemento a essa gentinha.

Só quero ver quando esse pessoal do Urros vai me pagar a acessoria de imprensa que fiz pra FreePorto. Só quando a raposa morrer, já tô vendo. Fui.

Read Full Post »

Read Full Post »

Older Posts »